quinta-feira, 17 de julho de 2008

Infância, Fronteira e Violência

(Foto: Fernando Benega)

“Infância, Fronteira e Violência - um ponto de vista” é o tema da exposição organizada pelo publicitário e fotógrafo Fernando Benega. Com olhar apurado sobre a realidade das crianças na região, Benega flagra diversas cenas peculiares da tríplice fronteira (Argentina, Brasil e Paraguai). Muitas das imagens, inclusive, acusam a exploração do trabalho infantil e a atuação da polícia para conter a ação de jovens infratores.
Os retratos foram feitos em conhecidos cenários da fronteira, como a Ponte Internacional da Amizade, local onde muitas crianças e jovens trabalham de ‘laranjas’ no contrabando de mercadorias, a serviço de corporações criminosas, ou simplesmente em subempregos imprescindíveis, na maioria das vezes, para a sobrevivência de suas famílias.
Destaque para duas fotos: menino levando uma caixa com um frango dentro, mas com a cabeça do lado de fora do recipiente; e uma forma diferente da prática do rapel, em que caixas de mercadorias contrabandeadas, grande parte pacotes de cigarro, são descidas em cordas amarradas na Ponte da Amizade, até a margem brasileira, no Rio Paraná.
Vale a pena conferir as fotos de Fernando Benega expostas num álbum digital.
.
(Fonte: www.megafone.inf.br / Pedro Lichtnow)
.